segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Como fazer gravuras com a técnica da monotipia


Obtendo a gravura na impressão com monotipia

O que é monotipia?  Mono=uma e Tipia=impressão. A técnica de fazer gravuras coloridas com uma única impressão é chamada de monotipia. Fazer gravuras com essa técnica é uma atividade bastante divertida, um exercício artísitco que também pode ser aplicado tranquilamente com crianças.

A monotipia pode ser aplicada em papel ou tecido dando bastante abertura para a expressão da sua criatividade. Apesar de não permitir detalhes e ter um efeito um tanto rústico, com essa técnica você pode criar objetos decorativos para sua casa como quadros e almofadas.

O processo é bastante simples. Você precisa de uma base lisa onde vai aplicar a tinta. Pode ser uma lâmina de vidro, um acrílico, ou um suporte plástico que possa receber a tinta.

A escolha das tintas depende da superfície que receberá a gravura. Se for o papel use tintas próprias como guache ou acrílica e se for tecido use tintas de pintura para tecido. No caso eu usei tintas de serigrafia, que são mais resistentes ao desbotamento do tecido.

 

Pinte a superfície de trabalho, no caso uma lâmina de vidro Aqui estou usando como base para a gravura uma lâmina de vidro. Sobre ela vou aplicar a tinta escolhida usando um pincel chato e largo. Se quiser um resultado bem fechado, use muita tinta. Se preferir algo mais rústico, use uma espessura menor na pincelada.
Monte o seu padrão, do seu gosto, combinando as cores que desejar e até criando linhas retirando a tinta com uma espátula. Lembre que a gravura será um espelho do que está pintando. O que fica por cima é o que será estampado no tecido ou no papel. Essa etapa deve ser feita rapidamente para que a tinta não seque. Se secar a gravura não será corretamente transferida. Monte o seu padrão de desenho
Posicione e pressione sobre a gravura o tecido ou o papel Posicione sobre a gravura o tecido ou o papel e pressione para fazer a impressão. Você pode usar as mãos, um rolinho de espuma, um pano, pressionando de forma que toda a superfície entre em contato com a tinta.
Retire o tecido ou o papel de sobre a gravura, com calma. Retire o tecido ou o papel devagar
Resultado da gravura com a técnica de monotipia E ao retirar o tecido temos a gravura transferida do vidro para ele numa única impressão. O uso de pouca tinta deixa o tecido mais aparente.


Se for usar a monotipia com as crianças, escolha tintas adequadas e deixe elas desenharem usando seus próprios dedos. Vais ser a maior farra, e suas obras de arte poderão se tornar belos quadrinhos para seus quartos ou presentes para o vovô e a vovó.

As possibilidades são muitas e vale à pena explorá-las. Faça sua experiência e crie suas próprias estampas transformando seus projetos em trabalhos exclusivos.

Saiba mais assistindo à nossa vídeo aula de pintura de tecido com monotipia.

Fotos: Cris Turek

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário